miilay

" Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida, para um novo avanço"Gabriela Mistral, poetisa

Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2011

Senti-me pequenina

 

 

 

 

São queijadinhas de cenoura. Mas o que me faz sentir pequenina, é o facto de tantas vezes me sentir cansada, sem paciência para fazer certas coisas e a minha mãe, sim uma senhora já de 82 anos, com dores nos ossos,arranjar força, entusiasmo, carinho e faz para os anos da neta, queijadinhas de cenoura.

Muitas, um trabalhão. Mas, diz ela pode ser o último ano que faço, e então resolvi fazer. Até as lágrimas me vieram aos olhos pois sei que foi com esforço que as fez.

Mas, uma coisa é certa ninguém as faz tão bem!É a minha Mãe.

publicado por miilay às 12:01
sinto-me:
tags:

12 comentários:

Amiga
Que bom ser assim (fico triste que so se passa esse sentir assim com minha avo materna,que faria isso e muito mais, se nao fosse o estado de saude e mesmo assim faz muito, desculpa se nao me dou bem com os meus(mae),mas prontos,um pequeno desabafo, comovida ao ler te)
Mae e mae sem duvida alguma e mais nada.
Espero que tenha sido,que deve ter sido um bom dia em familia e essas queijadinhas,apetece tanto....))Devem ainda estar boas?Ou ja paparam todas? ehehehe
Um gdre beijinho Millay
Tudo de bom a ti e aos teus
Vem aí muito frio
luadoceu a 12 de Dezembro de 2011 às 13:46
Amiga, é mesmo muito bom estes laços familiares, e sentir que a minha mãe ainda se sente com vontade de Dar aos outros.
Já não há queijadinhas, estavam mesmo boas.
Beijinho
miilay
miilay a 12 de Dezembro de 2011 às 23:02
Que ternura! Que momento bonito! Parecem dois olhos da cor do sol irradiando amor por todos os que ama.

Beijos
Manu
Existe um Olhar a 12 de Dezembro de 2011 às 14:12
É verdade Manu, o Amor esteve presente nesta celebração familiar.
Obrigada pelas tuas palavras.
Um abraço miilay
miilay a 12 de Dezembro de 2011 às 23:05
Amiga Milay
é por estas e outras como estas que eu me aborreço comigo própria por me queixar e deixar ir abaixo.
Que as queijadinhas de cenoura possam ser feitas por muitos anos mais no mesmo dia nem que seja com a ajuda de alguém mas só o facto de serem feiats é sinal de estar vivo. Muita saude para a tua mãe e para todos vós
beijinho grande e que possamos aprender a retirar forças de onde parece não existirem tal como viste fazer.
tempovirtual a 12 de Dezembro de 2011 às 18:26
Amiga, é verdade nós interrogamos-nos, como é possível! nós de hoje em dia estamos mais desgastadas, mas temos que reflectir nestes exemplos para ganharmos forças.
Um xi
miilay
miilay a 12 de Dezembro de 2011 às 23:09
Pessoas assim, que persistem , que querem contribuir à sua maneira e com toda a energia que têm, apesar de tudo....colocam as nossas queixas de cansaço em perspectiva...
Entendo-te.
Se é a nossa mãe, pois ainda comove mais :)
Abraço às duas
Marta M
Marta M a 12 de Dezembro de 2011 às 20:14
Marta, Obrigada, é que temos mesmo que ganhar energia e seguir em frente como os nossos pais fizeram e fazem, e também tiveram tempos difíceis na sua época em que eram jovens ,por tudo isto temos que ter Esperança e continuar.
Beijinho
miilay
miilay a 12 de Dezembro de 2011 às 23:13
E ficaram muito bonitas.... a vida só faz sentido se a conseguirmos viver, ainda bem que mesmo com 82 anos ela ainda consegue ter vontade de viver...

Há muito que não como um bolo de cenoura.. cá por baixo é coisa que não se vê... o que vale é que o natal já ai está e vai haver um tempinho para matar saudades de algumas coisas.

Jorge
Jorge Soares a 13 de Dezembro de 2011 às 00:03
Jorge, tens razão a Vida tem sentido quando nos sentimos úteis. Sê bem vindo à nossa terra e não faltarão cenouras, mas como as da minha mãe, Não!
miilay
miilay a 15 de Dezembro de 2011 às 11:49
A mãe melhor do MUNDO (a minha), teria que ter um exemplo de Vida fabuloso( a sua mãe)!!! A minha avó querida, que com tanto amor, carinho e dedicação me fez aquelas cenourinhas maravilhosas e inigualavéis. Amo-vos muito. Bjnhs doces.
Joana a 15 de Dezembro de 2011 às 00:00
Joaninha, tu também estás a seguir o exemplo de vida das pessoas queridas da tua árvore genealógica.
Parabéns ,pela mulher, que és.
beijinho
miilay
miilay a 15 de Dezembro de 2011 às 11:53

mais sobre mim

Dezembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
16
18
20
21
22
23
24
27
29
31

pesquisar

 

comentários recentes

  • Gostei que tivesse passado , gostou? ou só viu est...
  • Obrigada! Rita eu já fui apaixonada por este blog,...
  • Obrigada! Foi uma forma de me trazer até aqui, ao ...
  • Muito interessante!
  • Gostei muito do seu blog obrigado
  • O telhado da casa não tem nada a ver.
  • boa tarde, sabe dizer-me qual é o outro nome pelo ...
  • Olá miilay
  • parecem as bocas de cães pequeninos, dizíamos nós ...
  • ..e perfume intenso.

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro