miilay

" Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida, para um novo avanço"Gabriela Mistral, poetisa

Segunda-feira, 26 de Setembro de 2011

A CASA

 

 

     

 

  

 

 

 

Antes que deitassem a casa abaixo, tirei-lhe umas fotos.

 

 

Foi há 54 anos que vivi nesta casa. Era pequenina mas lembro-me de muitas vivências.

A casa tinha um quintal, grande, árvores de fruto, e um poço com uma grande roda que tinha uma manivela , que se utilizava para tirar água.

Então a minha avó paterna, a avó Prudência, tinha as jornaleiras, que vinham semear batatas, sacha-las, tirá-las, e o que me ficou na ideia destes dias é o pastelão, que a minha avó fazia para a merenda.

E era assim: Batia ovos inteiros numa tigela, juntava bacalhau lascado, cebola, salsa, tudo picadinho, e dpois ia à frigideira.

Mas, ela virava a (omolete) , tão bem! Depois, metia-a num prato que já tinha broa ralada, e colocava em cima, com azeitonas à volta!Hemmmm, até parece, que ainda sintoo cheirinho!

Isto era a merenda das jornaleiras, e uma caneca de vinho, que a minha avó, ia buscar ao pipo, que estava na adega.

Outra das coisas que me lembro, é de estar  na janela lateral, do andar de cima, a cantar, enquanto esperava o meu pai, que vinha do trabalho.

Eu cantava: Já passei a roupa a ferro,

Já passei o meu vestido,

Amanhã vou-me casar ,

O Manel é meu marido!

E não é que é mesmo!

As coisas que me lembro, desta casa, não são só coisas boas, não!

Um dia estava eu e a minha irmã, mais nova que eu dezassete meses,ao portão, (era Sábado), e passavam carros de bois, com as mercadorias, que levavam para o mercado, neste caso iam de regresso a casa, e a minha irmã toca com um pauzito na perna do boi,... ele deu-lhe um coice, ela caiu, ficou mal.Mas, com o tempo tudo parecia bem, só que ao fim de meia dúzia de anos teve que ser operada, à perna para tirar o sangue pisado que lá tinha ficado.Mas, a minha irmã está bem ! É a minha companheira, Amiga,é a minha Tinó!

Imaginem onde estas fotos me levaram.

 


 

 

 

 

publicado por miilay às 15:59
sinto-me: Com saudades
tags:

Comentar:

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


mais sobre mim

Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
17

pesquisar

 

comentários recentes

  • boa tarde, sabe dizer-me qual é o outro nome pelo ...
  • Olá miilay
  • parecem as bocas de cães pequeninos, dizíamos nós ...
  • ..e perfume intenso.
  • belas :)
  • Se é para mim recebo-a com muito carinho e amizade...
  • Verdade.Já tenho saudades da ria.Um destes dias......
  • E era bem gira.Olá Miilay feliz 2017.Faz tempo que...
  • Obrigada,Feliz Ano para si e cuidado com o frio,aí...
  • Manu, estou bem, e a fazer os possíveis para não f...

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

subscrever feeds