miilay

" Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida, para um novo avanço"Gabriela Mistral, poetisa

Sábado, 08 de Agosto de 2015

Poema

008.JPG

 

Os poemas são pássaros que chegam
não se sabe de onde e pousam
no livro que lês.
Quando fechas o livro, eles alçam vôo
como de um alçapão.
Eles não têm pouso
nem porto;
alimentam-se um instante em cada
par de mãos e partem.
E olhas, então, essas tuas mãos vazias,
no maravilhado espanto de saberes
que o alimento deles já estava em ti...

Mario Quintana

publicado por miilay às 23:32

mais sobre mim

Agosto 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
20
22
28
30

pesquisar

 

comentários recentes

  • Gostei que tivesse passado , gostou? ou só viu est...
  • Obrigada! Rita eu já fui apaixonada por este blog,...
  • Obrigada! Foi uma forma de me trazer até aqui, ao ...
  • Muito interessante!
  • Gostei muito do seu blog obrigado
  • O telhado da casa não tem nada a ver.
  • boa tarde, sabe dizer-me qual é o outro nome pelo ...
  • Olá miilay
  • parecem as bocas de cães pequeninos, dizíamos nós ...
  • ..e perfume intenso.

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

subscrever feeds