miilay

" Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida, para um novo avanço"Gabriela Mistral, poetisa

Domingo, 21 de Outubro de 2012

LISBOA!

 

Foto tirada da Praça da Figueira, onde os jovens andavam muuuuuiiiiito de skate!

 

 

 Armazéns do Chiado ao fundo.

 

 

E lá vou eu...

 

 

Como não podia deixar de acontecer, a foto junto ao Grande FERNANDO PESSOA!

publicado por miilay às 18:27

6 comentários:

Mais um passeio, mais uma bela reportagem e o teu sorriso radioso ficou muito bem ao lado de Pessoa.

Beijos Miilay
Existe um Olhar a 22 de Outubro de 2012 às 12:53
Obrigada, Amiga Manu pelas tuas palavras sempre simpáticas!
Beijinho,Boa Noite
miilay
miilay a 24 de Outubro de 2012 às 00:06
um grande beijino millay
continuação de boas fotos e bons passeios
luadoceu a 22 de Outubro de 2012 às 14:34
Lua, Obrigada, e foi um passeio de uma semana ,magnífico!
Tudo de Bom para ti e tua menina.
Beijinho e uma
miilay
miilay a 24 de Outubro de 2012 às 00:08
Gosto de Lisboa.
Principalmente daquela Lisboa do fado de: Ary dos Santos
Música de: Paulo de Carvalho
Carlos do Carmo


Um dia subi ao castelo e encostei o cotovelo nas muralhas, debrucei-me sobre os telhados, o rio, as gentes, o movimento ...e a música. A letra encaixou como uma luva no que o meu olhar conseguiu absorver desde aquele local - mágico.

No Castelo ponho um cotovelo

Em Alfama descanso o olhar

E assim desfaço o novelo

De azul e mar.



À Ribeira encosto a cabeça

Almofada na cama do Tejo

Com lençóis bordados à pressa

Na cambraia de um beijo.



Lisboa menina e moça, menina

Da luz que meus olhos vêem, tão pura

Teus seios são as colinas, varina

Pregão que me traz à porta, ternura.

Cidade a ponto luz, bordada

Toalha à beira-mar, estendida

Lisboa menina e moça, amada

Cidade mulher da minha vida.



No Terreiro eu passo por ti

Mas da Graça eu vejo-te nua

Quando um pombo te olha sorri

És mulher da rua.



E no bairro mais alto do sonho

Ponho o fado que soube inventar

Aguardente de vida e medronho

Que me faz cantar.


Sei que a música é antiga, mas para mim continua bela. Como Lisboa: cheia de graça e encanto.
DyDa/Flordeliz a 23 de Outubro de 2012 às 00:50
Flor, tu és fantástica! Eu gosto imenso deste fado, e tu com a tua simpatia e genialidade ,escreves a letra! Fantástico ,OBRIGADA.
Um abraço e Boa Noite
miilay
miilay a 24 de Outubro de 2012 às 00:11

mais sobre mim

Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
14
24
26
27
28
30

pesquisar

 

comentários recentes

  • boa tarde, sabe dizer-me qual é o outro nome pelo ...
  • Olá miilay
  • parecem as bocas de cães pequeninos, dizíamos nós ...
  • ..e perfume intenso.
  • belas :)
  • Se é para mim recebo-a com muito carinho e amizade...
  • Verdade.Já tenho saudades da ria.Um destes dias......
  • E era bem gira.Olá Miilay feliz 2017.Faz tempo que...
  • Obrigada,Feliz Ano para si e cuidado com o frio,aí...
  • Manu, estou bem, e a fazer os possíveis para não f...

mais comentados

blogs SAPO


Universidade de Aveiro