miilay

" Dai-me, Senhor, a perseverança das ondas do mar, que fazem de cada recuo um ponto de partida, para um novo avanço"Gabriela Mistral, poetisa

Sábado, 15 de Outubro de 2016

Poema - Fernando Pessoa

IMG_8954.JPG

 

 

... Nem tudo é dias de sol,
E a chuva, quando falta muito, pede-se
-Por isso tomo a infelicidade com a felicidade
Naturalmente, como quem não estranha
Que haja montanhas e planícies
E quando haja rochedos e erva...
O que é preciso é ser-se natural e calmo
Na felicidade ou na infelicidade,
Sentir como quem olha,
Pensar como quem anda,
E quando se vai morrer, lembrar-se de que o dia morre,
E que o poente é belo e é bela a noite que fica...
Assim é e assim seja...

Fernando Pessoa

 

 

publicado por miilay às 00:57

2 comentários:

Que céu deslumbrante! Adoro estes vermelhos do final de tarde e Fernando Pessoa é sempre uma boa companhia.

Beijinhos Miilay
Existe um Olhar a 15 de Outubro de 2016 às 12:19
Amiga,Obrigada.
Beijinho
miilay
miilay a 16 de Outubro de 2016 às 17:11

mais sobre mim

Outubro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
17
18
20
21
22
24
25
26
28
29
31

pesquisar

 

comentários recentes

  • parecem as bocas de cães pequeninos, dizíamos nós ...
  • ..e perfume intenso.
  • belas :)
  • Se é para mim recebo-a com muito carinho e amizade...
  • Verdade.Já tenho saudades da ria.Um destes dias......
  • E era bem gira.Olá Miilay feliz 2017.Faz tempo que...
  • Obrigada,Feliz Ano para si e cuidado com o frio,aí...
  • Manu, estou bem, e a fazer os possíveis para não f...
  • Amiga,Obrigada, estou bem! Também ao tempo que foi...
  • Obrigada. Feliz Ano. Sê Feliz.Estou bemmiilay

mais comentados

Contador Visitas

blogs SAPO


Universidade de Aveiro